sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Refinitiv bloqueia matérias da Reuters para agradar Pequim

Provavelmente sob pressão do controverso governo chinês, o provedor de informações financeiras Refinitiv (que distribui as notícias da Reuters aos investidores) bloqueou mais de 200 matérias da própria Reuters no continente que poderiam pintar Pequim de maneira negativa. A censura começou no início deste ano, depois que o Refinitiv começou a temer que sua operação na China fosse suspensa, de acordo com a Reuters.