quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

O agente mais letal da CIA estaria morto, diz inteligência russa

Fontes de inteligência russas alegam que Michael D'Andrea, chefe das operações da CIA no Irã e que orquestrou o assassinato do general iraniano Soleimani, teria sido morto em Ghazni, Afeganistão.

Um avião caiu ou foi abatido em Ghazni e D'Andrea estaria nele.

D'Andrea, o cara que você não iria querer irritar, é uma das figuras mais proeminentes e letais da CIA na região. Sob sua liderança, a agência foi vista como tendo uma "postura agressiva em relação ao regime iraniano".

Ele também supervisionou centenas de ataques com drones.

Os Estados Unidos ainda não confirmou, pois ainda há relatos conflitantes, mas se for verdade, será uma notícia chocante.