terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

HSBC vai cortar cerca de 35.000 empregos

O HSBC vai reduzir seu quadro de funcionários de 235 mil para cerca de 200 mil nos próximos três anos, o equivalente a 15 por cento de seus funcionários, de acordo com o CEO interino do banco, Noel Quinn.

Nesta terça-feira (18), o HSBC, que possui forte presença na Ásia, anunciou uma queda de 53 por cento em seu lucro líquido em 2019. Os cortes devem atingir principalmente as operações do banco nos EUA e na Europa.

Conheça um pouco sobre a vida do banqueiro e político britânico Thomas Sutherland, o homem por trás do HSBC Group.