Saída de Netanyahu pode fortalecer o Hamas e o Irã

O ex-primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, foi derrubado do poder por forças esquerdistas e de direita, mas sua queda pode significar uma vitória para o Hamas e seu parceiro brutal de longa data, o regime iraniano.

Em seu discurso de saída, Netanyahu disse que o governo Biden pediu a ele para manter suas discordâncias sobre o Irã privadas, mas que ele se recusou a fazê-lo, valorizando sua linha dura sobre o Irã sobre as relações suaves com os EUA. 

Netanyahu posicionou-se como o único homem entre o Irã e um arsenal nuclear, e afirmou que os iranianos estavam comemorando sua partida.

Netanyahu promete voltar em breve!