22 de março de 2022

Geórgia se recusa a falar sobre neutralidade militar

Após formalizar seu pedido para ingressar na União Europeia, a Geórgia deu sinais de que não pretende abandonar seu curso em direção à OTAN.

"Temos uma longa história conjunta com a OTAN. Muitos dos nossos representantes deram a vida juntamente com os membros da OTAN pela segurança internacional. Entre os países que não são membros da OTAN, nossa contribuição é a mais significativa", disse uma autoridade do país.

Isso significa que mais cedo ou mais tarde a OTAN usará a Geórgia como em 2008 ou como a Ucrânia hoje. É só uma questão de tempo e consequências.