segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Michell Hilton, Blog MichellHilton, tecnologia, notícias, mercado, mercado financeiro, economia, blog, noticias, noticias de tecnologia

Andressa Urach divulga capa de sua biografia

Andressa Urach divulga capa de sua biografia sobre ser prostituta

Com histórias de prostituição, Andressa Urach divulga capa de sua biografia. Se ela pensa que aquilo foi a morte ela não deve saber nada sobre!

Em 'Morri Para Viver', a modelo conta sua trajetória e diz ter sido uma das garotas de programa mais desejadas do Brasil. Andressa Urach divulgou na última sexta-feira a capa de "Morri Para Viver", biografia em que conta sua trajetória no submundo da prostituição, das drogas e das celebridades.

"Eu apenas aceitei escrever sobre tudo o que vivi para ajudar quem acha que necessita de ajuda", escreveu Urach na legenda da foto, postada em sua conta no Instagram.

Na verdade ela foi a maior cadela que o mundo das subcelebridades já viu. Qualquer um poderia levar Andressa para o motel mais barato do Brasil e fazer a festa.

COMPARTILHE:

quarta-feira, 18 de março de 2015

Michell Hilton, Blog MichellHilton, tecnologia, notícias, mercado, mercado financeiro, economia, blog, noticias, noticias de tecnologia

Loretta Napoleoni

Loretta Napoleoni é um economista italiano com sede em Londres. 

Loretta Napoleoni

Um especialista em lavagem internacional de dinheiro e financiamento do terrorismo, ela aconselhou vários governos e as Nações Unidas sobre o assunto. Ela é a autora de Modern Jihad: Traçando a Dólares por trás das redes de terror (Pluto Press) e Terror Inc. (Penguin)


Ela relata sobre o financiamento do terrorismo e propôs uma volta do cálculo envelope sobre o financiamento do terrorismo.

A escrita de Napoleoni aparece regularmente em muitas revistas e publicações, incluindo vários jornais italianos como il Caffe, La Repubblica, e Il Fatto Quotidiano. Ela já trabalhou como correspondente estrangeiro e colunista do jornal espanhol El Pais.

Napoleoni vive em Londres, Inglaterra, e Whitefish, Montana, com seu marido e filhos.

COMPARTILHE:

sábado, 23 de agosto de 2014

Michell Hilton, Blog MichellHilton, tecnologia, notícias, mercado, mercado financeiro, economia, blog, noticias, noticias de tecnologia

Biografia do imperador Hirohito fica pronta após 24 anos

Primeiro volume do livro será lançado em março de 2015 no Japão.

Biografia do imperador Hirohito fica pronta após 24 anos

Mais de 24 anos de trabalho e 12.000 páginas repartidas em 61 volumes foram necessários para completar a biografia do imperador japonês Hirohito, uma obra que foi apresentada esta semana e que será publicada em 2015 no Japão. O livro, realizado pela Agência da Casa Imperial, relata o reinado de Hirohito (1901-1989), conhecido postumamente como o imperador Showa, que inclui episódios históricos como a entrada do país na Segunda Guerra Mundial e o pós-guerra sob ocupação americana.

Os atuais imperadores japoneses, Akihito e Michiko, participaram da revisão da obra e completaram seus últimos capítulos, segundo informou o responsável da agência, Noriyuki Kazaoka, em declarações publicadas pela imprensa nacional. A compilação de informação para redigir a biografia começou em 1990 e inicialmente estava previsto que se completasse em 16 anos. Esta data limite foi adiada por duas ocasiões até chegar ao ano em curso.

Para evitar as críticas recebidas pela biografia do antecessor de Hirohito, o imperador Taisho (1879-1926), em que passagens foram censuradas, a Agência do Palácio Imperial afirma que a nova obra preza pela transparência. Contudo, ficaram de fora da obra os registros acadêmicos de Hirohito e seu histórico médico. A biografia se baseia em informações recolhidas de cerca de 3.000 fontes diferentes, entre elas os diários de assistentes do imperador, registros de suas visitas a outros países e entrevistas com funcionários do Palácio Imperial.

Um total de 112 trabalhadores da instituição ajudaram na compilação das informações e na redação da obra, cuja elaboração custou 200 milhões de ienes (cerca de 4,3 milhões de reais), sem contar despesas de pessoal. A Agência do Palácio Imperial planeja publicar o primeiro volume do livro em março de 2015, e o resto dos tomos será editado durante os próximos cinco anos.

COMPARTILHE: