terça-feira, 27 de agosto de 2019

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

domingo, 4 de agosto de 2019

Índia pede que turistas deixem a Caxemira

Depois que autoridades locais emitiram um alerta de segurança, milhares de pessoas, incluindo turistas e peregrinos hindus, deixaram a Caxemira.

A Índia acusa o Paquistão de apoiar grupos militantes baseados na Caxemira, algo negado pelo Paquistão.

Cerca de 20 mil peregrinos hindus e turistas indianos, além de mais de 200 mil trabalhadores, estavam no processo de deixar a região, disse uma autoridade do governo local à agência Reuters.

COMPARTILHE:

quarta-feira, 24 de julho de 2019

Michell Hilton, Blog MichellHilton, tecnologia, notícias, mercado, mercado financeiro, economia, blog, noticias, noticias de tecnologia

Índia: Netflix lança plano móvel que custa menos de 3 dólares

Índia, Netflix, Michell Hilton

A Netflix lançou um novo plano de assinatura para dispositivos móveis mais barata na Índia hoje. O plano custa 199 rúpias (2,8 dólares) por mês.

Não, não, claro que não. Eu tentei a dupla cidadania porque sou brasileiro, mas gosto da Índia, da sua cultura e me vejo como um indiano.

Índia: Isso é tão gentil de sua parte, eu também gosto de você.

COMPARTILHE:

quinta-feira, 18 de julho de 2019

Michell Hilton, Blog MichellHilton, tecnologia, notícias, mercado, mercado financeiro, economia, blog, noticias, noticias de tecnologia

Netflix olha para a Índia

A Netflix anunciou que planeja lançar um plano mais barato na Índia.

A Netflix anunciou que planeja lançar um plano de streaming mais barato na Índia, um dos maiores mercados emergentes para empresas globais de tecnologia, mas somente para dispositivos móveis.


Além disso, a empresa também planeja adicionar cinco novas séries à sua linha de conteúdo indiano este ano.

Agora, faça-nos um favor, olhe para o Brasil também.

COMPARTILHE:

quinta-feira, 4 de julho de 2019

domingo, 19 de maio de 2019

sábado, 18 de maio de 2019

sábado, 27 de abril de 2019

Smartphones chineses dominam o mercado indiano

As marcas chinesas liderada pela Xiaomi controlaram cerca de 66 por cento do mercado indiano de smartphones no primeiro trimestre de 2019, segundo a Reuters.

As remessas da Xiaomi para a Índia, o mercado de smartphones com o crescimento mais rápido do mundo, caíram 2 por cento, mas a empresa com sede em Pequim ainda foi a marca mais dominante no país, seguida pela Samsung.

COMPARTILHE:

sexta-feira, 29 de março de 2019

Ripple faz parceria com o Federal Bank da Índia

O Federal Bank, um banco indiano privado, anunciou que fez uma parceria com a Ripple para facilitar os pagamentos internacionais.

A parceria permitirá explorar “novos corredores onde a Ripple está agressivamente buscando novas parcerias”, segundo um comunicado do banco.

COMPARTILHE:

quinta-feira, 14 de março de 2019

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

domingo, 9 de dezembro de 2018

Você deve ler isso sobre a Índia

A Índia foi um dos países mais ricos até a época do domínio britânico no início do século XVII. Cristóvão Colombo, atraído pela riqueza da índia, havia procurado uma rota marítima para a Índia quando descobriu a América por engano.

Até 1896, a Índia era a única fonte de diamantes no mundo.

O maior empregador na Índia é o Indian Railways (encarregado de manter o funcionamento da rede ferroviária), que emprega mais de um 1,540 milhão de pessoas.

Ayurveda é a primeira escola de medicina conhecida pela humanidade.

O valor do "pi" foi calculado pela primeira vez pelo matemático indiano Budhayana, e ele explicou o conceito do que é conhecido como o Teorema de Pitágoras. Ele descobriu isso no século 6, muito antes dos matemáticos europeus.

Wikipédia: Indian RailwaysÍndia

COMPARTILHE:

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Jack Dorsey causa uma tempestade na Índia

O CEO do Twitter, Jack Dorsey, ficou sob fogo depois que uma foto dele com um cartaz dizendo “esmagar o patriarcado bramânico”, referindo-se à mais alta casta hindu, se tornou viral em um dos mercados de maior crescimento da empresa.

Vários indianos proeminentes acusaram Dorsey de "ódio contra os brâmanes".

O Twitter Índia disse que o cartaz foi entregue a Dorsey por um ativista dalit - os dalits estão no fundo da hierarquia social no hinduísmo.

A única boa estratégia de "Relações Públicas" é literalmente nunca dizer nada a ninguém. Além disso, outra boa regra é não postar uma foto "desmistificando" sua "empresa", porque isso faz com que você pareça um completo "idiota".


COMPARTILHE:

segunda-feira, 29 de outubro de 2018