quarta-feira, 5 de junho de 2019

segunda-feira, 6 de maio de 2019

terça-feira, 26 de março de 2019

domingo, 24 de fevereiro de 2019

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

UE: Google fecha o cerco aos anunciantes

O Google diz que vai exigir que os anunciantes enviem documentos e recebam verificação antes de poderem pagar por anúncios políticos na UE.

Cidadãos de toda a Europa poderão votar para eleger 705 membros do Parlamento Europeu em 2019, e o Google quer ter certeza de que cada um deles saberá quem paga pelos anúncios que o Google exibirá em seus sites e serviços.

Fonte: Blog Google

COMPARTILHE:


terça-feira, 13 de novembro de 2018

YouTube pode ter que bloquear vídeos na União Europeia

Será impossível cumprir a nova diretiva de direitos autorais da União Europeia, diz CEO do YouTube, Susan Wojcicki.

De acordo com o artigo 13 da nova diretiva sobre direitos autorais da UE, não será mais suficiente que as plataformas online removam materiais se alguém alegar que infringe direitos autorais; em vez disso, as plataformas terão que impedir a exibição de qualquer material protegido por direitos autorais.

Fonte: YouTube

COMPARTILHE:


quinta-feira, 20 de setembro de 2018

quarta-feira, 18 de julho de 2018

terça-feira, 22 de maio de 2018

quinta-feira, 29 de junho de 2017

terça-feira, 27 de junho de 2017

Michell Hilton

Alguém realmente usa o Google Shopping?

União Europeia impõe multa ao Google de € 2,4 bilhões por abuso de poder econômico

Alguém realmente usa o Google Shopping? É apenas um grande de guia patrocinado. Você pode obter melhores resultados ao pesquisar através do Google imagens.

Google rejeita os argumentos da Comissão Europeia, o gigante é acusado de abusar da sua posição dominante para mostrar resultados em seu serviço Google Shopping, a empresa diz que vai recorrer da decisão.

COMPARTILHE:


sábado, 22 de abril de 2017

Le Pen quer a França livre da UE

França vai às urnas amanhã no primeiro turno das eleições presidenciais.

Marine Le Pen, líder do partido francês de oposição Frente Nacional, não vê a Rússia como uma ameaça, mas nem por isso ela merece vencer.

Nos últimos anos, Le Pen tentou suavizar tanto a sua imagem como a posição do seu partido sobre o futuro da França na União Europeia.

Ao mesmo tempo, a Frente Nacional era a favor do abandono do euro, simples assim. Mais recentemente, ela disse que organizaria um referendo sobre a adesão da França à moeda comum.

Agora, ela especificou que tentaria renegociar a adesão da França à UE por seis meses. 

Segundo Le Pen, a saída do euro não resultaria em "catástrofe" econômica. Ela enfatizou que ela quer que a França deixe a zona do euro nas melhores circunstâncias possíveis.

COMPARTILHE:


segunda-feira, 20 de março de 2017

Michell Hilton

União Europeia suspende a importação ou a venda de carne do Brasil

Países decidem suspender a importação ou a venda de carne do Brasil

A União Europeia decidiu nesta segunda-feira (20) que vai suspender a importação de carne de todas as empresas brasileiras envolvidas na operação Carne Fraca. Os governos da China e do Chile também disseram que vão barrar a entrada de toda carne brasileira.

A Coreia do Sul também anunciou a proibição à venda de produtos de frango da BRF.

É o fim de um ciclo de horror.


COMPARTILHE:


terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Michell Hilton

Facebook e Whats caem na rede da UE

UE diz que Facebook deu informações falsas ao comprar Whatsapp

Órgãos de fiscalização da concorrência na União Europeia (UE) acusaram o Facebook de fornecer informações enganosas durante a aquisição do WhatsApp, abrindo espaço para possível cobrança de multa de 1% sobre o valor do faturamento.

Em comunicado divulgado nesta terça-feira (20), a Comissão Europeia informou, contudo, que as objeções não devem comprometer a aprovação da fusão avaliada em 22 bilhões de dólares em 2014.


COMPARTILHE:


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Facebook, WhatsApp e Skype caem na rede da UE

Facebook, WhatsApp e Skype são atingidos pelas estritas regras de privacidade da União Europeia.

Os serviços de internet terão que garantir confidencialidade das comunicações e obter o consentimento dos usuários para processar seus dados de localização, seguindo disposições similares incluídas em uma lei de proteção de dados separada que deve passar a valer em 2018.

COMPARTILHE:


sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Michell Hilton

Jean-Claude Juncke ameaça Trump

A eleição de Donald Trump colocou relação da América com a Europa em risco, o presidente da UE Jean-Claude Juncke alertou

A eleição de Donald Trump colocou relação da América com a Europa em risco, o presidente da UE Jean-Claude Juncke alertou.

Em uma série de observações contundentes e francos sobre o vencedor das eleições nos EUA, Jean-Claude Juncker acusou o novo Presidente eleito de ser ignorante e disse que deve ser ensinado a ele "como é que a Europa funciona".

Suas observações contundentes refletem o choque generalizado e as preocupações entre os europeus com a vitória de Donald Trump.


COMPARTILHE:


segunda-feira, 4 de julho de 2016

Michell Hilton

Ditadura da UE está tentando sabotar o Brexit

Brexit - MichellHilton.com

Ex-chefe de gabinete de Tony Blair disse à BBC que deveria haver outro referendo antes de a Grã-Bretanha ter permissão para deixar a União Europeia, um sinal imediato de que a classe política vai tentar sabotar a votação Brexit.

Aparecendo na BBC Newsnight, Jonathan Powell, que atualmente atua como enviado especial do Reino Unido para a Líbia, argumentou que os britânicos devem votar em sair da UE novamente.

Eu previ que aconteceria isso quase imediatamente como parte de um esforço para sabotar a vontade democrática do povo britânico.

Eles vão quer tentar oferecer a Grã-Bretanha uma "nova ideia" para permanecer na UE, ou apenas fazê-los votar outro referendo até que tenham o resultado que eles querem.

Isto é quase exatamente o que Powell está propondo quando afirma que o próximo líder do Partido Conservador, ou quem quer que vença uma eleição geral deve fazer uma nova negociação com a UE e, em seguida, fazer os britânicos votarem novamente, mesmo que eles rejeitem veementemente a União Europeia.

Este é um processo que a UE anti-democrática encontrou para sabotar a democracia britânica.

COMPARTILHE:


sábado, 2 de julho de 2016

Michell Hilton

Brexit levanta questões sobre a indústria global da tecnologia

Brexit e a indústria global da tecnologia - MichellHilton.com

A votação britânica para abandonar a União Europeia tem levantado muitas questões para a indústria global da tecnologia.

Na Grã-Bretanha, a maioria das empresas de tecnologia foram contra a votação de deixar UE. Um inquérito feito por um grupo da indústria da tecnologia descobriu que 87 por cento das empresas de tecnologia britânica queriam ficar na União Europeia, e que 70 por cento deles estavam preocupados que uma votação para deixar iria prejudicar a reputação de Londres como um centro de tecnologia. As empresas globais com escritórios na Grã-Bretanha, como a Microsoft, também fizeram campanha contra o movimento.

Alguns estão otimistas de que, com menos regulamentos da UE, as empresas britânicas iria prosperar. Mas a incerteza no rescaldo do voto deixa algum desconforto nas empresas.

Há também uma preocupação de que as empresas que olharam para Londres como um lugar ideal para começar sua empresa agora podem procurar outro lugar. Algumas novas empresas já começaram a avaliar se Londres ainda é o lugar certo para ter seus escritórios.

Agora, há uma abundância de trabalhadores expatriados dentro e fora da Grã-Bretanha que estão levantando questões sobre como o Brexit pode afetar suas vidas.

COMPARTILHE: